sexta-feira, 5 de novembro de 2010

A culpa é do túnel

Relatam os jornais desportivos, que Cebola, ao dirigir-se para o túnel, deu meia volta e “cresceu” para o director-geral do Porto. A pronta intervenção de elementos do banco portista, entre os quais o treinador André Villas-Boas, acalmou os ânimos, mas tal facto não impediu Cebola de ainda simular um pontapé num objecto que estava pousado no chão.

Pelo
que percebi da notícia foi o túnel que provocou a reacção do jogador do Porto. Sentiu-se indignado por ir para o balneário e reagiu. Nada que já não tenhamos visto. Aliás atitudes destas no Porto são comuns. Mas como são todos bons rapazes, a culpa é do túnel.

2 comentários:

  1. Eh eh eh, deve haver por ali algum síndrome do túnel.

    ResponderEliminar
  2. se perdem no domingo que se cuidem os seguranças!

    ResponderEliminar