domingo, 31 de janeiro de 2010

A ajudinha do costume

Nos próximos dias Pinto da Costa vai andar calado, o espalhafato que tem feito deu o resultado pretendido.

É muito futebol para este campeonato

O Benfica conseguiu uma vitória tranquila, ao bater o Guimarães por três bolas a uma. Um triunfo importante contra um adversário difícil, e imprescindível para que o primeiro lugar não se torne uma miragem. Enquanto o Benfica jogou com 11, foi um festival de bola e pressão alta. Aquelas jogadas de ataque rápido ao primeiro toque, fazem levantar em euforia qualquer estádio do Mundo. Quatro notas que retenho:
1. A melhor exibição do Benfica nos últimos 30 dias.
2. Um árbitro execrável que não tem competência para arbitrar.
3. Um Carlos Martins com um grande coração (Parabéns).
4. Um Cardozo com a cabeça ausente, falhando 4 golos.

Analisando o jogo, o Benfica marcou primeiro por Pablo Aimar, aos 17 minutos, mas Nuno Assis empatou numa casa que já foi sua, aos 35 minutos, fazendo a igualdade com que se atingiu o intervalo. Na segunda parte, Carlos Martins, foi mágico, ao marcar dois belos golos. O primeiro após bela jogado de Pablo Aimar e o segundo foi sublime, com a bola a entrar no canto superior esquerdo da baliza vimaranense. O Benfica, passou a ganhar por 3-1 e controlava perfeitamente o jogo.

Não se rendeu o vitória que obrigou
Quim a intervenções apertadas nos minutos seguintes. E o mesmo Carlos Martins foi expulso por acumulação de amarelos aos 71 minutos. No minuto seguinte Carodoso (como é possível) falha o 4-1 decisivo! Jorge Jesus não arriscou e preferiu tirar Aimar e colocar Rúben Amorim para conferir maior solidez defensiva à equipa, poupando o argentino a um maior esforço. Pouco depois entrou Éder Luís para o lugar de Saviola. Aos 80 minutos, o recém entrado brasileiro rematou à trave, perdendo o Benfica, outra chance de chegar ao 4-1! os 86 o Vitória de Guimarães ia tirando partido de ter mais um homem em campo, esteve muito perto do 3-2.

Resumindo, uma bela vitória do Benfica, contra um excelente adversário.

sábado, 30 de janeiro de 2010

Porto vence com "inteira" justiça

É a festa do futebol... Porto vence com "inteira" justiça...muito por culpa do seu novo reforço de Inverno... Quem? Ruben Micael? Não... falo de Carlos Xistra, jogador possante, boa técnica, boa finta, capaz de um momento para o outro tirar um coelho da cartola e matar o jogo a qualquer instante!! É craque.

Sejamos condescendentes e solidários, o sr. Xistra fez muito bem em não assinalar o penalti contra o Porto e inventar um penalti e uma expulsão contra o Nacional, pois na fase difícil que o Porto atravessa é meritória esta ajudazinha, porque senão o campeonato perde a piada, pois fica só a uma cor e a uma letra!

A vergonha foi tanta que, imaginem, Manuel Machado proferiu estas declarações:

“Este quarteto [de árbitros] teve, definitivamente, e com situações fundamentadas, influência no resultado final. No lance da grande penalidade, o Falcao chuta na bota de Alex Bruno, que é mal expulso”. “O que hoje se passou aqui já tinha ocorrido no Dragão, onde também ficámos a jogar com 10. Enquanto tínhamos 11, jogámos de igual para igual e, hoje, durante os primeiros 30 minutos, até ao penálti e à expulsão do Alex, fomos nós que criámos a melhor oportunidade de golo e ainda vimos o Fucile a agarrar o Edgar Silva na área do FC Porto e o Fernando a fazer quatro faltas consecutivas sem ser admoestado”

«Quando há critérios tão desiguais como ao que assistimos, a tanger a imoralidade, o sentimento que sinto, para além de tristeza, é de impotência e alguma raiva. Parafraseando uma pessoa com quem não tenho relações, nem grande simpatia: ganhar a um grande em Portugal ou se faz pelo esmagamento ou então só na playstation.»

É uma espécie de tira teimas

O encontro de hoje é uma espécie de tira teimas. Já perdemos uma vez, 1-0, já ganhamos outra, pelo mesmo resultado, e empatamos 1-1 para a taça da liga. Este quarto encontro com o Guimarães será, efectivamente, um jogo para homens de barba rija. E tremeliques nas pernas é coisa que, parece-me, os homens de Paulo Sérgio não vão ter.

Vamos todos torcer por uma bela vitória, com o apoio dos mais de 55 mil adeptos nas bancadas.

Benfica – Guimarães
29 Janeiro
2010, 19h15, Estádio da Luz

O Braga dura e dura e dura

Sólido, o Sp. Braga venceu (1-0) o jogo grande da jornada 17 e reforçou a liderança, deixando o Sporting a 15 pontos do primeiro lugar, e colocando Benfica e Porto sob pressão para os jogos de amanhã.

Apesar de, como benfiquista, ter estado saudavelmente a torcer pelo Sporting, sejamos justos e admitamos que o Braga é uma bela equipa e mereceu ganhar.

É que o Braga dura e dura e dura ... Quem estava á espera das tais teorias, como eu, ai e tal o Braga ficou sem o João Pereira vai ficar mais fraco. Ai e tal não tem banco. Ai e tal lá para o meio do campeonato já não têm pernas e vão começar a perder. Mas esses ais e tais estão a demorar.

A disputa do título passa mesmo por Braga, quer queiramos ou não.

sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

Momento Zandinga

Jorge Jesus, fez a antevisão do jogo de amanhã com o Guimarães na Luz, e não tem dúvidas em afirmar que o Benfica "está mais forte", e que "a 2.ª volta do campeonato vai ser mais equilibrada mas nós estamos mais fortes. Isto acontece porque a equipa conhece-se melhor em relação ao início da época e não pelos reforços que chegaram no mercado de inverno". Vai ser um jogo complicado, pois vai, mas confiança não nos falta.

Não resisto a um momento Zandinga. Este fim-de-semana, vamos dar um passo decisivo na conquista do título. Ganhamos ao Guimarães na Luz e o Braga vai perder pontos em casa, com o Sporting, conquistando definitivamente a liderança da Liga (não falo do Porto, porque cheira-me que o Micael vai valer uma vitória na Choupana, tal como o Beto valeu a vitória, no ano passado, em Matosinhos).

Nota final para os rivais, em Alvalade há champagne e caviar, no Porto descobriram petróleo!

Ele sabe do que fala

"Disse aos jogadores no início da época que podia não ser suficiente o que se joga em campo".

Domingos, actual treinador do Braga, jogador do Porto durante vários anos, onde aprendeu as regras que regem o futebol Português.

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

O primeiro mês do resto da nossa vida

Chega de murros. Chega de túneis. Chega de guerilhas. De comunicados. De diz que disse. Eu quero golos. Quero berrar até ficar apoplético, agarrado ao símbolo da camisola Encarnada.
Este ano, Fevereiro tem mais um dia. Ou melhor, tem mais uma noite. A
do próxima sábado, na luz, na recepção ao Guimarães, onde damos inicio a um ciclo que vai mostrar, definitivamente, se seremos capazes de ser campeões.

30 Janeiro – Benfica - Guimarães - Liga Sagres
3 Fevereiro – Benfica - U. Leiria - Liga Sagres (antecipado)
6 Fevereiro - Setúbal -Benfica – Liga Sagres
9 Fevereiro - Sporting- Benfica – Taça da Liga, meias-finais
14 Fevereiro - Benfica - Belenenses - Liga Sagres
18 Fevereiro – Hertha - Benfica – Liga Europa, 16-avos-de-final
25 Fevereiro – Benfica-Hertha – Liga Europa, 16-avos-de-final
28 Fevereiro – Leixões - Benfica - Liga Sagres

Eu acredito.Vamos ver de que massa somos feitos! vai ser um mês espectacular! E, aqui da minha bancada virtual, lanço-vos o grito:
BENNNNNNNNNNNNNNNNNNNFICA!!!

Quando Falcão tropeça na suas palavras

"Os jogadores preferem não pensar que há coisas estranhas no campeonato português."
Falcão, em conferência de imprensa na constituição, com jornalistas d' ABola presentes.

Depois do Jesualdo Ferreira, Guilherme Aguiar, Pôncio Monteiro, Ruben Michael, o "amigo" da Agencia Lusa, Miguel Sousa Tavares, vem este "anjinho" falar de "coisas estranhas"! E tem toda a razão. É que marcar golos com a mão e contarem, é mesmo muito estranho.

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Bolas até uma criança vê isso

Mal o meu filho respirava já eu lhe acenava com um cartão vermelho. Encarei o procedimento como um preventivo "anti-tripa" e "anti-lagartos". Dei-me bem. Hoje faz oito anos, outros tantos de sócio de Benfica. Ele salta e grita a plenos pulmões que o BENFICA É O MAIOR! (bolas, até uma criança vê isso). Obrigado filho, por partilhares este amor com o Pai.

Por favor leiam este texto que transcrevo partes. É um magnifico texto. Intenso, apaixonado, belo. Uma beleza nascida do amor de pai e filho pelo Benfica. Uma beleza nascida do amor de um filho pelo pai. Uma beleza nascida do amor e do Benfica.

José Fialho Gouveia, Tu e eu em cada golo:

"... O meu pai morreu a 2 de Outubro de 2004. Chorei. Muito. Nessa manhã. Ao longo do dia. No velório. À noite na cama. Em muitos dos dias que se seguiram. Mas – esta é a mais pura das verdades – houve um momento em que as lágrimas correram mais densas do que nunca. Mais carregadas de saudade. Aconteceu quando o carro funerário, que transportava o corpo em direcção ao Cemitério dos Olivais, passou em frente à nossa Luz. Pode parecer incompreensível e irracional, mas a noção de que não mais voltaria àquele estádio com o meu pai e a consciência de que nunca mais poderia festejar com ele uma vitória apertou-me demasiado o coração. Foi nesse instante que verdadeiramente se abateu sobre mim a noção de perda.

Meses depois, no final dessa época, seríamos campeões. Estava no estádio quando o Luisão empurrou a bola para o fundo da baliza do Sporting e nos colocou muito perto do título. Sentada ao meu lado estava a minha mãe e, atrás de mim, um amigo que me abraçou e me disse em êxtase: «Este é para o teu pai! Este é para o teu pai!». Senti nos lábios o toque de uma lágrima. Tinha um travo a alegria e a saudade ao mesmo tempo. Imaginei o abraço do meu pai. Vi o seu sorriso. Senti a sua felicidade.(...)"

E se era para ganhar ao Benfica seria para perder com quem?

O empresário Jorge Teixeira (Jô) está sob investigação a cargo do Ministério Público por alegadamente ter abordado os três capitães do Leixões (Nuno Silva, Hugo Morais e Joel) e feito uma oferta de 50 mil euros para os matosinhenses conseguirem pontuar no Estádio da Luz - em jogo relativo à 6.ª jornada do campeonato.

Então perante a "normalidade" do caso o presidente do Braga (não foi o do Benfica) "denunciou o caso à polícia"; e o MP (todos eles benfiquistas, claro) estão a investigar. À imagem de qualquer colaborador/funcionário, os jogadores são pagos pelos respectivos clubes para darem diariamente o seu melhor. Com efeito, não tenho conhecimento de contratos nos quais esteja estipulado que os jogadores devem apenas jogar a 50% do seu potencial rendimento. Contudo, este acto desprezável poderá juridicamente não ser entendido como corrupção, embora para o comum dos mortais seja exactamente a mesma coisa. Pelo menos “Jo” teve o mérito de não oferecer FRUTA …

Mas, na minha perspectiva, o caso vai muito mais longe. Todos sabemos dos prémios e das luvas que se oferecem
; mas o jogador que recebe para "ganhar" pode, mais tarde, vir a receber para "perder". E se era para ganhar ao Benfica seria para perder com quem?

Terei sido o único?[2]

Terei sido o único a sentir que Pinto da Costa, ao prometer o título de campeão nesta época, à memória -ou alma- de Pedroto, está a arranjar um berbicacho kármico de consequências imprevisíveis.

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

"Tou Ruben? Daqui fala o presidente! Ligas pra RR e dizes que o Jesus te pôs 2 dedos na cara e que não reagiste."

"Durante a primeira parte os jogadores estavam “picados”. Quando o árbitro apitou para o intervalo. O Luisão estava a falar com o Cléber. Como o Luisão tinha amarelo, de repente vem o treinador do Benfica em direcção ao Cléber e empurrou-o. Como estava lá perto, disse ao Rui Costa, não sei o que é que ele estava ali a fazer, mas disse-lhe para pedir ao treinador para ter calma. Virei costas, ia para o balneário, no túnel, e de repente aparece o Rui Costa num lado e o Jesus noutro. O Rui Costa disse muitos palavrões, repetiu-os várias vezes, e o Jesus pôs-me dois dedos na cara». "Quando [Jorge Jesus] viu que eu não respondia voltou a pôr-me os dois dedos. Comecei a rir e fui para o balneário, porque o que eles queriam não conseguiram", considerando que "foi uma vergonha o que se passou".
Ruben Micael, em entrevista encomendada por Pinto da Costa à RR, a um jornalista amigo.

Depois de ouvir as escutas entre Pinto da Costa e Deco sobre notícias inventadas, até parece que já estou a ver o Pinto da Costa a instruir este GAROTO sobre o que dizer. Vergonha sim, mas a vergonha és tu Ruben.

Se eles precisam de arranjar alguém que diga que há 13 meses foi ameaçado por benfiquistas...eles arranjam! Se eles precisam de arranjar alguém que diga que lhe bateram no Estádio da Luz...eles arranjam! Se eles precisam de arranjar alguém que diga que há 4 anos e meio houve um indivíduo em Lisboa, com um cachecol do Benfica que ameaçou violar-lhe a namorada...eles arranjam! Eles arranjam tudo! E eles, têm que ganhar este campeonato seja lá como for! Este Ruben Micael, que veio lá da ilha, foi contratado para jogar futebol, ou para denunciante? Na minha opinião, o Benfica devia "borrifar-se" para a multa e pôr as imagens nas televisões para que não ficassem dúvidas.

Ruben Micael. Braga. Olhanense. Porto. Todos com ligações aos corruptos e a Pinto Costa. É o vale tudo. Sem vergonhas e sem pudores de qualquer espécie. Se há quem coma e cale (pelo menos, nas aparências), por aqui, a nós Benfiquistas, ninguém nos vai pedir, exigir ou fazer sequer calar perante todos estes atropelos e joguinhos de interesses óbvios.

Enquanto nós, vamos denunciando, esperamos apenas, e desejamos, que a equipa do Benfica nos ajude nesta luta, fazendo jus à nossa mística, vencendo. Se a equipa nos acompanhar nesta luta, a derrocada
dessa escumalha será uma realidade, que ninguém tenha ilusões disso.

Oportunidade para ultrapassar os 15 mil espectadores

O sorteio das meias-finais da Taça da Liga, realizado na sede da Liga Portuguesa de Futebol Profissional, ditou um dérbi entre Sporting e Benfica. O outro jogo será entre FC Porto e Académica. Os dois encontros estão marcados para 10 de Fevereiro mas os leões pretendem a antecipação para dia 9. A final da prova está marcada para dia 20 de Março, no Estádio do Algarve.

Em Alvalade, dia 9 ou 10 de Fevereiro, acredito que vamos ganhar aos Lagartos e passar à final da Taça da Liga. O Sporting que até está em fase de recuperação teve pouca sorte, no entanto não é de desanimar pois na taça de Portugal tem grandes hipóteses!

O presidente do Sporting deve estar a esfregar as mãos de contente: finalmente volta a ter mais de 15 mil nas
bancadas.

Só não vê quem não quer. O Benfica é GRANDE

Um estádio da Luz com mais de 50 mil adeptos (60 mil bilhetes vendidos) recebeu esta noite uma parada de estrelas em torno de uma causa de solidariedade: ajudar os mais carenciados no Haiti depois do sismo que abalou o país. O resultado (3-3) era o que menos interessava e as palmas marcaram o ritmo.

De louvar este jogo, só o Benfica e a sua fundação tem capacidade cultural, cívica e social, para organizar estes eventos, que só prestigiam o clube, o País, e o mundo do futebol em geral. É isto também que faz a diferença entre um clube grande e um GRANDE clube.

PS - O relvado da Luz não é digno da grandeza do nosso clube. É necessário apurar responsabilidades, e tudo fazer para o melhorar, e rapidamente.

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

Ficção?

- Alô Presidente
- Alô
- Porra, foi genial, Sr. Presidente! Genial! espectacular a sua chantagem com o túnel de 2008 e as pedras no autocarro! Parabéns, Sr. Presidente. Você é um espectáculo!

[Também aqui]

De rir até não se poder mais

1 - Magnífico show humorístico apresentado pela locução da SIC durante a transmissão do jogo Rio Ave - Benfica.

De rir até não se poder mais... O penalti (mão na bola visível até nas margens do rio) não marcado e que era favorável ao Benfica "não é penalti porque a mão vai na direcção contrária à bola"!

O penalti assinalado contra o Benfica (desarme limpo do defesa encarnado, como as dezenas de repetições não se cansaram de mostrar) é "aceitável".

A mão na bola (não assinalada) de um jogador do Rio Ave na grande área do Benfica, essa sim "devia ter sido assinalada como mandam as regras"!

Etc., etc.,...

Um verdadeiro show humorístico num jogo a feijões. Imaginem se fosse algo importante!

2- O caso do túnel teve hoje mais desenvolvimentos. Ficou a conhecer-se a acusação, que é divulgada pelo jornal "Record". Assim Hulk, segundo o relator do processo, praticou "agressão sobre interveniente com direito de acesso ou permanência", incorrendo numa pena de seis meses a três anos de suspensão. Sapunaru é acusado de duas infracções idênticas, por agressão a dois «stewards».
Quanto ao Benfica, é defendido que o clube cometeu uma infracção leve, "inobservância de outros deveres", punível com multa, por "não ter assegurado a ordem e a disciplina no interior do túnel, permitindo que os stewards provocassem verbalmente jogadores e staff do F.C. Porto e se gerasse desordem e confronto físico".

As coimas, as multas e os castigos a jogadores e clubes, certas ou erradas, são as regras em vigor para toda a tribo do futebol. Podemos ou não concordar com elas mas foram feitas pelos agentes desportivos com a benção dos clubes. Se o assunto em discussão tivesse acontecido no túnel do dragão, com jogadores do Benfica ou do Cascalheira a agredirem os Stewards presentes, com ou sem provocação, este mesmo inquérito e as mesmas penalizações estariam em vigor. Realmente há coisas que não se entendem mas são os clubes que as aprovam.

É a vida....

Quem ficou beneficiado foi o clube das escutas que joga a meia final em casa!

O Benfica arrancou a segunda vitória consecutiva em deslocações ao Rio Ave, com golos de Carlos Martins e Di Maria. Com este resultado o Benfica termina a terceira fase em primeiro do Grupo C e segue para as meias-finais da prova. Marcou primeiro Carlos Martins, para minutos depois Bruno Gama fazer o empate (num penalti inexistente). Di Maria, ao minuto 76 marcou o golo da vitória justíssima que garantiu ao Benfica o lugar nas meias-finais e a vitória no grupo.

Do jogo do Benfica saliento o penalti a favorecer o Benfica não assinalado (mão do jogador do Rio Ave) - cheirou a "fruta". Em contrapartida o penalti contra o Benfica não existiu- cheirou a "café com leite". Com tudo isto quem ficou beneficiado foi o clube das escutas que joga a meia final em casa!

Nos
outros jogos , o Sporting bateu o Trofense por 1-0, superando o grupo com 9 pontos. O Porto, depois dos alegados incidentes com o autocarro, obteve a previsível vitória sobre o Estoril e também se apurou. O melhor segundo foi a Académica que completa o quarteto das meias-finais.

domingo, 24 de janeiro de 2010

Vamos lá inventar umas coisas "sórdidas"

Vamos lá inventar umas coisas "sórdidas"...Bom, depois de brutais montagens com imitadores profissionais que deram nas escutas, depois de alguem do Benfica ter ido pagar uma factura da cosmos dumas viagens ao Brasil no nome dum tal Amorim (Calheiros) que roubou da secretaria do fcporco, depois de alguém do Benfica ter inventado o termo quinhentinhos, inventado uma sova ao Bexiga, fugido para Espanha, ter obtido vistos para menores estrangeiros em menos de uma hora, blá, blá, blá e etc, etc, etc, está na hora de desculpar os "Vonecos" porque são realmente inocentes.

Agora, pela última vez, porque já não tenho paciência para mais, estou em crer que não existe uma única pessoa neste País que não saiba os métodos e a forma como o Porto conquistou aquilo que sabemos nos últimos vinte e poucos anos. Todos sabemos das trapaças, da batota, dos compadrios, do tráfico de influências, até dos "crimes de sangue" que foram cometidos em nome do ganhar, ganhar, ganhar a qualquer custo.

Agora, ouvir da boca do presidente do Porto chamar de "atrasado mental" a um ser humano maravilhoso como é o Paulinho do Sporting e repeti-lo por 3 vezes em menos de 1 minuto, diz bem do que é essa figura grotesca, do seu carácter e dos seus valores morais.

E ouvir adeptos portistas, cegos pela clubite e pela raiva, defender esse anormal mentecapto, mesmo sabendo o quão miserável e crápula ele é, dá para refletir e ficar triste.

sábado, 23 de janeiro de 2010

Com o Pidá preso e o Madureira com pena suspensa, quem vai dar a carga de porrada?

Com a divulgação das escutas, quando tudo parecia pertencer ao passado, eis que a bomba... Estoirou de forma ruidosa levando ao rubro o nosso amigo Pinto da Costa. Aconteceu logo numa altura em que Pinto da Costa parecia ter recuperado novo fôlego para empreender as suas costumeiras cruzadas contra os do Sul. Mal sabia ele que o inimigo morava mesmo ao lado, que também há Mouros na cidade do Porto e que lhe estavam a reservar um valente beliscão no rabiosque ou uma apalpadela na próstata.

Pinto da Costa reagiu. Vai apresentar uma queixa crime. Que mal pensado Sr. Pinto da Costa!! Porque não manda dar uma carga de porrada nas pessoas que você pensa serem autores de tal divulgação pública? Eu sei, o problema reside em quem vai dar a carga de porrada. Pois o Pidá está a cumprir uma pena de 23 anos e o Madureira tem pena suspensa. Uma outra questão: porque razão terão "essas pessoas" divulgado as escutas? Terá acabado a fruta? Terão terminado as férias em países exóticos? Houve escassez de relógios?

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Mais cedo ou mais tarde

Pelos destacados serviços prestados à VERDADE DESPORTIVA, Pinto da Costa será o próximo condecorado.

Sá Pinto, és bestial


Da notícia duas mensagens importantes:

1 - Sá Pinto sabe escrever.
2 - O Moutinho sabe ler.

Talvez todos os clubes possam dizer o mesmo dos seus directores desportivos e capitães... agora ter um director boxer e puro é único em Alvalade, sim, o Sá Pinto é um puro, e no seu sentido do dever não olha a catalogações sociais, tanto bate num seleccionador como num jogador. Poucos têm essa coerência.

Sexta vitória consecutiva do Sporting. O Sporting estava em crescendo. Perante esta realidade o que fez Sá Pinto? Isto: que a época estava a ficar fácil demais para o seu Sporting, e que algo teria de ser feito com urgência para repor os níveis de dificuldade adequados à grandeza do clube. Um clube raçudo, feroz, selvagem não alinha em situações onde as vitória se começam a suceder uma às outras. Não, nunca. Sá Pinto, és bestial.

No próximo jogo, há uma ida a Braga que é decisiva para a consolidação equipa do Sporting, e importante quiçá para a classificação final do campeonato. Espero que recuperem deste episódio e reapareçam fortes na Pedreira.

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Dizer que foi absolvido, é diferente de ser inocente

Pinto da Costa vai apresentar já hoje uma queixa-crime no DIAP do Porto na sequência da divulgação das escutas do processo Apito Dourado no site YouTube, informou fonte do FC Porto.

Como devem calcular tive curiosidade em ouvir as mesmas e questiono-me como é possível este homem vir "à boca cheia" dizer que foi absolvido, que é diferente de ser inocente, do processo cível do "Apito Dourado"? Será que não é a sua voz? Será isto tudo fabricado para perseguir o "pobre do homem"? Ora aqui está mais uma prova da vergonha que é a justiça portuguesa. Provas reais como as escutas, não contam para o processo. No fim ninguém foi culpado de nada. Só Pinto da Costa se assumiu corrupto, na justiça desportiva, e ao Porto foram retirados seis pontos.

Nestas conversas, fica à mostra a bandalhice de uns e a cumplicidade de outros, respectivamente dirigentes de um clube e juízes do Porto. Quem vem para aqui tentar diluir as responsabilidades desta gente com o argumento de que faltam as escutas a outros, tenta apenas atirar areia para os olhos do público. Pelo simples motivo de que a Comissão de Arbitragem era controlada por um cúmplice do Pinto da Costa e os fretes não se podem fazer a todos, ou contrariar-se-iam.

Dou os parabéns a quem teve a coragem de pôr estas conversas no YouTube. E a preocupação de Pinto da Costa não é com a substância das conversas mas com o facto de ser terem tornado públicas. Chegou-lhe tarde a vergonha...

Agora quando o Pinto Costa vier "abrir a boca" já sabemos que ele não passa de corrupto, um mentiroso, conspirador, etc. etc. Não merece estar no futebol, e mesmo que agora diga que vai mover "N" processos crimes os portugueses já podem confirmar verdadeiramente o calibre deste "senhor"...e alguém que se cole a ele e até o defenda está a pactuar com os mesmos valores.

Eu teria vergonha que o meu cube ganhasse campeonatos desta maneira. Gente desta laia não pode estar no desporto. Desportivamente o Pinto da Costa deveria ser irradiado de todos os cargos desportivos e o FCP deveria perder todos os títulos que ganhou graças a estes jogos de bastidores.

Quem estiver interessado em ouvir as escutas:

O combate foi entre meios-pesados ou meios-leves?

"Liedson e Sá Pinto desentenderam-se violentamente no final do encontro, já em pleno balneário do Estádio José Alvalade. O dianteiro de 32 anos está sob a alçada disciplinar do clube e poderá ser alvo de um pesado castigo. A discussão começou ainda no banco de suplentes, com o diretor-desportivo a criticar o erro do guarda-redes e Liedson a sair em sua defesa. A troca de argumentos alastrou ao balneário e foi subindo de tom até ao contacto físico".

A pergunta que se impõe é a seguinte: quando foi contratado Sá Pinto para director desportivo do Sporting, o seu perfil não fazia adivinhar uma situação deste género? Há alguma surpresa nesta notícia? Quem sabe nunca esquece.

Querem ver que o culpado é o árbitro outra vez

Hoje foi dia de taça de Portugal. Sem surpresa a Naval derrotou o modestíssimo Aliados. Com mais interesse, o Paços Ferreira foi afastar o Nacional na Madeira. O Braga sofreu em Freamunde, o Sporting bateu o modesto Mafra por 4-3. Um jogo onde a figura foi o chinês Zhang do Mafra. O técnico do Mafra estava naturalmente satisfeito.

A grande expectativa residia no Belenenses-Porto. Sim porque o Belenenses é uma equipa temível...afinal de contas é a última classificada da Liga e tem uma única vitória na Liga. Desde Agosto que não sabe o que é vencer para o campeonato... mas para a Taça, vem de duas vitórias contra os poderosos Oriental e Valenciano. Ops, mas o Belenenses não é aquela equipa fraquinha que foi goleada pelo Benfica?

Mas, o Belenenses cometeu a proeza de obrigar o "colosso europeu", FCP, ao desempate por penalties, após 2-2 em 120 minutos. Na marcação das grandes penalidades (30!!!) lá conseguiu passar a eliminatória. Claro que as dificuldades foram culpa do ... árbitro.

Para quem não jogou hoje, Javi Garcia diz-se encantado com o Benfica. E Mourinho foi considerado o melhor treinador do mundo.

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Da série "Frases que impõem respeito"[11]

"E também lhe digo que, há uns anos atrás, deitei pela janela fora, a possibilidade de treinar o Benfica. Porque não gostei da maneira como a abordagem me foi feita".

Manuel Cajuda, em entrevista Abola, onde ficamos a saber que deixou de treinar o Benfica, imagine-se... porque não gostou da abordagem.

Quebra-cabeças

Alguém me consegue dizer qual o presidente que dizia não fazer compras em Janeiro?
Dou-lhes uma dica: é o mesmo que adquiriu o guarda-redes da equipa sensação, na época passada. Guarda-redes esse, tão bom até ao jogo que deu umas abébias ao futuro patrão.

É bom ter memória.

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Está aqui, está a entrar para a lista negra de Pinto da Costa

"... Se agrediram um steward no Estádio da Luz, Hulk e Sapunaru devem ser punidos com suspensões pesadas e, acima de tudo, imediatas. Tenha ou não havido provocação, seja o dito steward considerado pelo regulamento um interveniente no espectáculo ou um elemento a ele exterior, que tanto uma como outra justificação soam a meras tecnicalidades sem interesse para o caso. Não alinho no coro dos que acham que tudo é admissível desde que entre nas frinchas imprevistas do regulamento ou desde que para os actos mais insanes se encontre uma justificação, por mais patética que ela venha a revelar-se..."
António Tadeia, Cartas na mesa no caso do túnel da Luz , in Ojogo, 19-01-2010

Terei sido o único?

Terei sido o único a achar estranho Pinto da Costa ter emprestado um jogador internacional do seu País (Renteria) ao Braga, dando assim trunfos a um concorrente directo.

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

"Não há petróleo". Pois eu digo que há petróleo, fruta...e café com leite.

"Transferência rondará os 5 milhões de euros e começou a ser tratada no Verão".
ABola, acerca da transferência consumada de Ruben Micael, do Nacional para o Porto.

Na altura do jogo para o campeonato nacional, entre o Benfica e o Nacional, Ruben Micael produzia declarações polémicas: "Há câmaras dentro do túnel e deviam ver bem o que se passou quando fomos para o intervalo". Na altura fiz a seguinte pergunta: Ruben Micael ainda estás no Nacional e já falas como tripeiro. Porque será?

Hoje passado alguns meses, percebe-se melhor! Já estava "apalavrado" pelo Pinto da Costa. No Jogo da Luz, este menino provocou em campo e depois com declarações fictícias sobre o tunel, antecipando o que viria a acontecer em Braga! O sistema em acção.

Na tradicional patetice, para achincalhar o Benfica, foi dito que no Porto "não há petróleo". Pois eu digo que há petróleo, fruta...e café com leite.

O Benfica está a ser levado ao colo

"Perdemos 5-0 mas com algumas coisas que quando eu jogava nunca aconteceriam. Temos de levantar a cabeça..."
Van der Gaag, treinador do Marítimo
"Brincam com o trabalho de uma pessoa, dependemos do ordenado que o clube paga. Não estão a dar-nos respeito que merecemos. Temos que parar para ver o campeonato português. Não vejo isto noutras ligas"
Peçanha, jogador do Marítimo

Brincadeira é esta equipa do Benfica. Anda a brincar com os adversários. Deveria ser penalizada por jogar tanto. Os auto golos deviam ser anulados. O árbitro só esteve bem em não marcar um penalti claro contra o Benfica. Mais, acho um escândalo o Quim defender com as duas mãos e saltar para segurar as bolas. Penso que assim não é justo. O Benfica está a ser levado ao colo, porra!!!

Agora falando mais a sério, foi um extraordinário jogo do Benfica, perante uma das poucas equipas que conseguiram roubar pontos na Luz na primeira volta. O Benfica está em grande e só um extraordinário Braga lhe consegue fazer frente. Hoje, no Funchal batemos o Marítimo, que na Luz colocara um autocarro de 2 andares em frente à baliza. E golear, por 5-0, denotando a facilidade de concretização que se enaltece.

Ao
intervalo já se vencia por 3-0, com o marcador aberto por Saviola, ao minuto 29, a que se seguiram golos de Maxi Pereira e Cardozo. Este último fez o que não tinha conseguido na Luz: concretizar um penalti contra Peçanha. Foi ao minuto 45, e motivou a expulsão de um madeirense. Na segunda parte, com vantagem no marcador folgada, e vantagem numérica em campo, o Benfica passeou pelos Barreiros: 4º golo num autogolo, 5º por Luisão. Saviola leva 7 jogos consecutivos a marcar.

O Benfica
abriu assim para 6 pontos a vantagem sobre o FCPorto, que ontem empatou em casa. No topo da tabela ex-aequo com um Braga que teima em não desarmar, pode-se pelo menos dizer que a tarefa do Porto é impossível: superar 2 que têm mais 6 pontos cada, e em momento de forma claramento superior.

O Benfica tem ainda a vantagem de receber o Braga na segunda volta, e de ter notoriamente mais qualidade individual e experiência. O Sporting a 12 pontos, não aspirará ao título, mas poderá, com a inversão de dinâmica registada superar o FCP e chegar ao 3º lugar. Contudo, Jesus considera que ainda é uma luta a 3.
Peçanha, do Marítimo demonstrou não saber perder.

domingo, 17 de janeiro de 2010

O que fugiu ao domínio do Porto para os deixar raivosos?

O FCPorto empatou esta noite por 1-1 no Estádio do Dragão com o Paços de Ferreira. Um resultado sempre surpreendente, mas menos se contextualizado nas exibições que a equipa de Jesualdo Ferreira vem produzindo.
O Porto esteve inclusivamente a perder por 0-1, mas a 4 minutos do fim Falcão garantiu o empate. Um tónico moralizador para o Benfica. Vencendo, podemos colocar os "dragões" a 6 pontos de distância. No que vem sendo hábito no futebol português, Bruno Alves e Jesualdo Ferreira culpabilizaram...o árbitro.

Estão desesperados, queixam-se dos árbitros. O Pinto da Costa até espuma de ódio, os jogadores quais boxeurs batem em assistentes e não só. O que fugiu ao dominio do Porto para os deixar raivosos? Terá sido a falta de petróleo para comprar a fruta.

No fundo é mais um empate dedicado ao falecido Pedroto. Até estou emocionado! ressuscita Pedroto para tornares a ver o que costumavas ver, o Benfica campeão.

O Sporting bateu o Nacional da Madeira por 3-2. E, claro, com o surpreendente empate do Porto, o Sporting reduz para 6 os pontos que o separam do 3º lugar! Cuidado, muito cuidado.

sábado, 16 de janeiro de 2010

Manter o bom hábito de jogar e ganhar

"Este jogo enquadra-se no âmbito dos mais difíceis que o Benfica vai ter na segunda volta. Marítimo na primeira volta não perdeu com nenhum dos três grandes, pelo que será certamente um adversário difícil pelo seu valor"

"a equipa está muito bem, moralizada e confiante"

"É a nossa grande dúvida e receio. Não sabemos como está o campo, mas, com maiores ou menores dificuldades, temos que nos adaptar. Demonstrámos isso em Guimarães e, se tivermos que fazer um futebol diferente, estamos preparados."
Jorge Jesus, em declarações à Benfica TV

Definitivamente um dos jogos mais difíceis da segunda volta, pela falta de apresentabilidade do relvado, e pelas dificuldades que o Marítimo nos impôs na Luz. O estado do relvado, será na minha opinião o principal receio de Jorge Jesus. Daí a estreia nos convocados de Alan Kardec. Mas, estou certo iremos manter o bom hábito de jogar e ganhar.

Convocados: Guarda-redes: Quim e Júlio César;
Defesas: Maxi Pereira, Luisão, David Luiz, Miguel Vítor, Sidnei e César Peixoto;
Médios: Javi García, Ramires, Carlos Martins, Di María, Pablo Aimar e Fábio Coentrão; Avançados: Saviola, Cardozo, Nuno Gomes, Alan Kardec e Éder Luís.

Diz-se por aí

Diz-se por aí... que o Benfica vai coleccionando títulos interessantes: é o 17º clube do mundo com maior assistência média por jogo. Numa lista de 544 clubes e que é liderada pelo Barcelona. Por sua vez Ramires, em entrevista já fala no título, mas reitera a importância da humildade. No Brasil, Diego Souza torna-se mais um exemplo de um jogador que sai para dizer mal da casa que o acolheu. Em boa verdade, nunca percebi o processo que envolveu este atleta.

Por
sua vez, nos nossos adversários, na jornada que hoje se inicia, a notícia é o regresso de Liedson, após longa ausência por lesão. E em Alvalade luta-se pela conquista de um título importante, o de campeão da segunda volta. No FCPorto, Prediguer tarda em mostrar os seus créditos. A Fiorentina tece elogios rasgados a Bolatti, o que deverá deixar Jesualdo Ferreira a pensar, ao ponto de andar a fugir dos jornalistas e das conferências de imprensa. Uma vergonha. Relativamente ao adversário do Benfica nesta jornada, o Marítimo, vai avisando que só Saviola não chegará.

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

Benfica surge na 17.ª posição num universo de 544 emblemas em média de espectadores por jogo

“Ao contrário daquilo que se pensa, Portugal não tem más assistências nos jogos de futebol. Temos uma média superior a dez mil adeptos por jogo, o que é muito interessante, e estamos em 11.º lugar entre 36 países. Quando comparados com um país com uma população idêntica, como é o caso da Bélgica, verificamos que temos números de espectadores muito semelhantes (média de 11.811 na Bélgica). Este estudo demonstra que os estádios não estão vazios, mas que provavelmente estão sobredimensionados para a nossa realidade”, explicou ao PÚBLICO o responsável por este estudo, Daniel Sá. A média alcançada pela Liga portuguesa deve muito, como é habitual, aos três “grandes” e à massa de adeptos que arrastam.

No ranking por clubes, por exemplo, o Benfica surge na 17.ª posição num universo de 544 emblemas (com média de 46.737 espectadores por jogo), o FC Porto na 40.ª (34.428) e o Sporting na 52.ª (27.259). “Esta média está muito influenciada pelos designados três ‘grandes’, que representam 62 por cento dos espectadores da Liga portuguesa”, concretiza Daniel Sá, que não poupa elogios ao trabalho “notável” em termos de marketing que tem sido desenvolvido pelos clubes: “Está ao nível do melhor que se faz na Europa”.
Público, em 15-01-2010

Quando se diz que "Este estudo demonstra que os estádios não estão vazios", nada mais falso. Apenas 4 estádios não estão vazios (Benfica, Porto, Sporting e Guimarães). E no caso do Sporting, com muita boa vontade, pois se retirarmos o desafio com o Benfica, a média de assistências será ridícula, para quem se diz "Grande". Os restantes, e em 80% dos jogos que são aqueles em que não participam os "Grandes", os estádios estão, "Cada Vez Mais, Vazios"! Nem é preciso muito para fazer um estudo mais apropriado do que esse e chegar a essa conclusão.

Duas reflexões mais. O Benfica continua a ser o garante da viabilidade financeira dos clubes de pequena dimensão, ao arrastar milhares de adeptos. E o Vitória de Guimarães que fica logo a seguir aos "Grandes" em assistências. Numa cidade com 75 mil habitantes, o Guimarães consegue ter uma Massa Associativa de cerca de 32 mil, e média de assistências próxima dos 20 000 espectadores. O Sporting tem média de 27 mil numa cidade de 3 milhões.... O Guimarães tem melhor média que muitos clubes europeus que andam na champions. Se o Vitória tivesse sucesso desportivo, como seria?

É o vale tudo

"... A ver vamos se algum agente desportivo entre os envolvidos no caso do túnel da Luz, repensando retroactivamente nas imagens divulgadas pela SIC de outro túnel turbulento, o de Braga, não decide pedir os termos da homologação legal dos sistemas de recolha de imagens e não coloca a Comissão Disciplinar da Liga na ingrata posição de ter de reconhecer que todos os processos agora levantados são filhos de uma inutilidade: as próprias imagens de que tanto se fala desde que o futebol passou a ser jogado nos túneis".
Manuel Tavares, in OJogo, 14-01-2009

É o vale tudo. Sem vergonhas e sem pudores de qualquer espécie. Se há quem coma e cale (pelo menos, nas aparências), por aqui, a nós Benfiquistas, ninguém nos vai pedir, exigir ou fazer sequer calar perante todos estes atropelos e joguinhos de interesses óbvios.

Enquanto nós, vamos denunciando, esperamos apenas, e desejamos, que a equipa do Benfica nos ajude nesta luta, fazendo jus à nossa mística, vencendo. Se a equipa nos acompanhar nesta luta, a derrocada dessa escumalha será uma realidade, que ninguém tenha ilusões disso.

Nota final para Simão. Mais uma vez, como tantas no Benfica, foi grande. O Atlético de Madrid tinha a missão imposível na Taça do Rei. Tendo perdido. Por 3-0 fora, precisava de vencer em casa o Recreativo de Huelva por mais de 3 golos de diferença. A equipa de Quique Flores conseguiu a proeza de vencer por 5-1. O último golo é de Simão Sabrosa (veja no vídeo).

quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

O bicho voltou a roncar!

Este criminoso não foi proibido pela justiça de se pronunciar sobre o futebol durante dois anos ? Foi, mas reapareceu, para gáudio de uns tantos.

Tendo estado calado, passando despercebido longos períodos, certamente a afogar as mágoas dos desgostos amorosos com meretrizes, e a arquitetar novos planos para corromper os árbitros, o bicho
voltou a roncar!!

Este ronco desesperado, que por estes dias tem ecoado, pelo país desportivo e não só, é uma clara entrada em jogo, procurando pressionar os árbitros a beneficiar o Porto (conforme vem sendo prática) e a prejudiar o BENFICA. Afinal o Porto não tem futebol para, por si só, ser campeão, e há que cumprir a promessa feita ao Pedroto.

Um conselho. Ó Pinto arranja uma "ovelhinha" para te coçar!...

Resultado justo num jogo fraco, muito por causa da chuva e do terreno!

Debaixo de uma chuva intensa, o Benfica empatou esta noite, no "D. Afonso Henriques", a uma bola com o Guimarães para a 2ª jornada da taça da Liga.

A partida teve duas partes distintas. Uma primeira parte com um Guimarães melhor adaptado ao estado do terreno, mais dominador e com mais posse de bola. E uma segunda parte com um Benfica mais forte, e onde ambos os clubes proporcionaram um jogo emotivo, com um golo para cada. O Vitória marcou primeiro, por Douglas, aos 60'. O Benfica empatou, por Fábio Coentrão, aos 75'.

Com o empate no Rio Ave, entre Rio Ave e Nacional, tudo fica pois adiado para a última jornada. Para já o Benfica segue na frente com 4 pontos, tantos quantos o Rio Ave e a 3 de distância de Nacional e Guimarães. Na última jornada O Benfica vai ao Estádio do Arcos, em Vila do Conde, onde não pode perder para acalentar esperanças na passagem ás meias finais.

Um empate em Guimarães não pode, contudo, ser considerado um mau resultado, sobretudo dado que o Benfica enfrentava o grupo mais difícil da prova. O lado complexo é ficar a depender de um jogo em terreno sempre difícil, em Vila do Conde, como se viu no Sábado passado

Nos outros jogos, o Sporting conseguiu uma excelente vitória por 1-2 em Leiria. Dos chamados 3 grandes o Sporting está assim na melhor posição, já que lidera isolado e vai no dia 23 decidir o apuramento ao terreno do Trofense, não podendo deixar de ser o grande favorito.

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

"Vamos para ganhar"

Jornada 2, Taça da Liga
Guimarães - Benfica, 13 de Janeiro 2010, 20h15, Estádio D. Afonso Henriques

Após termos sido derrotados na Luz, voltamos a encontrar a equipa de Paulo Sérgio. O Guimarães vem de um óptimo resultado na Madeira, onde ganhou por 1-0. Para a Taça da Liga, abriu esta fase de grupos perdendo em casa, 0-1, com o Rio Ave, ou seja, Paulo Sérgio sabe que não ganhar hoje será dar um passo atrás no objectivo de atingir as meias-finais da competiçao.

Por outro lado o Benfica apresenta-se em Guimarães, moralizado, mas Jorge Jesus já fez saber que irá dar oportunidades aos jogadores menos utulizados. Mas, o Benfica joga sempre para vencer e, neste caso, o triunfo coloca o Benfica ainda mais perto da próxima fase da Taça da Liga. Como tal, Jorge Jesus, em comunhão com os adeptos, é peremptório quanto às intenções da equipa: "Vamos para ganhar".

Começaram as jogadas de secretaria?

Estranho a liga ter instaurado processos ao Benfica, à equipa de arbitragem, além de Hulk e Sapunaru, no âmbito dos acontecimentos do túnel. Então os argumentos são anedóticos: "alegada violação do segredo processual". Começaram as jogadas de secretaria?

Ainda vou ver o Cardoso apanhar três jogos só por ter ido ao estádio. E não esquecer o culpado: Saviola. Quem é que o manda marcar aquele golo? Isso faz-se?

terça-feira, 12 de janeiro de 2010

O que faz a escumalha do Porto voltar à ofensiva?

O treinador adjunto do FC Porto, João Pinto classificou hoje como uma "insensatez" a nomeação do árbitro João Ferreira para o jogo, na quarta-feira, com a Académica de Coimbra, da Taça da Liga de futebol.

Miguel Sousa Tavares, na sua crónica do jornal Abola, para além de debitar umas aldrabices, constata, "Como já devem ter percebido os nossos adversários tocou a reunir no Porto. É sempre assim quando sentimos o inconfundível cheiro dos abutres..."

O que faz a escumalha do Porto voltar à ofensiva? Simples, pela primeira vez desde há muitas épocas verem a sua equipa virar a primeira volta em 3º lugar, a 4 pontos do Benfica!

Na verdade, Pinto da Costa, além de não querer terminar o seu "reinado" em baixa (72 anos não darão para muito mais...) tem DOIS sérios problemas com que se debater, diferentes mas reais:
1) - Um é o Sporting de Braga, clube que tanto apoiou nos últimos anos e que, de um momento para o outro, corre o "risco" de ficar à frente do FCP. Como explicará isto aos sócios? Não vai ser fácil....
2) - O outro grande e real problema chama-se BENFICA. Efectivamente, depois de tantos anos a dar "oportunidades" ao Porto o Benfica contratou BEM, está a jogar MELHOR, leva muito mais gente aos Estádios, ganhou ao Porto com superioridade e total limpeza, e será certamente campeão. Como "engolirá" Pinto da Costa tudo isto?

Perdoai-lhes Senhor, que eles não sabem o que dizem! Principalmente depois de jantar.

Desprezo

"O presidente do FC Porto exortou na segunda-feira à noite o secretário de Estado da Juventude e Desporto a investigar alegados casos de corrupção no futebol e falou num "apito encarnado", em alusão ao rival Benfica."

Embora ainda não tendo atingindo o seu epílogo, o processo “apito dourado” parece destinado a não produzir qualquer consequência penal para os que, à custa da trapaça, encheram as estantes de troféus, alicerçando um poder iníquo que ainda hoje sufoca a verdade desportiva. Apesar de tudo, este processo deixará para a memória futura dois factos indesmentíveis, comprovados pelas escutas: que a justiça portuguesa é um labirinto onde a verdade dos factos se perde entre corredores, recursos, favores e apelos, e que a tão propalada eficácia e boas praticas desportivas dos azuis e brancos tinha uma rede à prova de qualquer vicissitude.

Embora eu nunca tenha duvidado, foi através das escutas que o país ficou a saber, por exemplo, como clube das Antas se moveu, , para evitar um castigo certo por agressão de Deco, com uma bota, a um árbitro. Para tal não hesitaram em recorrer a um jornalista, que a troco de uns almoços, veiculou a chantagem da ausência do luso-brasileiro do Euro-2004, caso fosse castigado. Claro que o referido árbitro também nunca quis ver apurada a verdade, doesse a quem doesse. Sabia bem que, no final, seria ele a sofrer as maiores dores.

A nossa matriz impede-nos de usar destes expedientes e outra frutas para lutar pelo que é nosso de direito. Para termos igualdade de tratamento e jogarmos em igualdade de circunstâncias no que aos critérios de julgamento diz respeito. Por isso o nosso caminho é mais difícil e penoso, mas julgo que é por tudo isto que muitos de nós só nos imaginamos Benfiquistas ou coisa nenhuma, sem meios termos. É precisamente farto dos meios termos que me sinto. Do comportamento politicamente correcto, para quem prefere a fraude, de estender um aperto de mão, ou de se sentarem ao lado de quem cheira mal.

Por isso sinto orgulho do meu presidente. Connosco não há meio termo. Para quem pratica fraudes, corrupção e afins só pode ter dos Benfiquistas DESPREZO.